Publicado por: blogdamariazinha | 22/08/2012

40 assaltos por dia, só na Grande Vitória

40 assaltos por dia, somente na Grande Vitória. Onde está o Estado Presente?

Assim anda o tal do Estado Presente, 8.453 assaltos somente na Grande Vitória de janeiro a julho desse ano, segundo revela o jornal A Tribuna de hoje. Ano passado, durante todo o ano. esse número foi de 4.951, um aumento de cerca de 30%, até o momento. Como o dado de 2011 é anual, podemos ter a certeza – triste – de que esse aumento vai superar os 50%.

A Polícia Militar, por meio do Coronel Edmílson dos Santos, comandante do Policiamento Ostensivo Metropolitano, culpa as brechas da lei, que permitem que criminosos, uma vez presos, sejam rapidamente soltos e cometam novos crimes.

Seria muito interessante ouvir o que tem a dizer sobre isso o senhor Pedro Valls Feu Rosa, mui digno presidente do Tribunal de Justiça do Estado do Espírito Santo. O senhor Feu Rosa, tão amante das estatísticas, bem que poderia nos apresentar alguns de seus números para verificarmos se as críticas da Polícia Militar são ou não são realmente válidas.

Enquanto isso, no entanto, são os cidadãos que sofrem cotidianamente os resultados da falta de uma política de segurança pública e da ação deletéria do Poder Judiciário, a se acreditar nas afirmativas do Coronel Santos.

É inadmissível que vivenciemos esse quadro desalentador numa área tão sensível para a nossa vida. É inadmissível que os chefes de poderes, Executivo e Judiciário, além do Ministério Público, se calem sobre essa questão.

Aonde estão os recursos que pagamos, os tais tributos? O que fazem deles as nossas autoridades? Por que não conseguimos, por anos a fio, vislumbrarmos uma melhora da situação?

Não é possível que mês a mês, quando aparecem algumas estatísticas negativas que as autoridades venham com aquela conversa pra boi dormir de que estão realizando ações que em “algum tempo” (sempre bastante indefinido) produzirá resultados. Como já disse John Maynard Keynes, e eu não canso de repetir, “a longo prazo estaremos todos mortos”. Por uma efetiva política de segurança pública já, é nosso direito, é obrigação dos poderes públicos.


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: