Publicado por: blogdamariazinha | 16/03/2012

Coluna “Clássicos ou nem tanto”: Não somos anjos – Michael Curtiz (1955)

Esse é um filme delicioso de se assitir. Numa atuação brilhante do trio principal - com Humphrey Bogart, Aldo Rey (pouco lembrado) e Peter Ustinov - além do elenco de apoio, nos divertimos bastante com a história do trio de condenados que foge da Ilha do Diabo e acabam se escondendo na loja que tem um gerente trapalhão e o seu primo e dono da loja totalmente autoritário. Ótima história, boa diversão. Vale muito assistir.

Sinopse: (Fonte: http://arraf.forumaqui.net/t4909-nao-somos-anjos-1955)
Três condenados planejam sua fuga da Ilha do Diabo e se dirigem até o porto na tentativa de encontrar um navio. Mas o destino interfere quando se escondem no estabelecimento do gentil e trapalhão comerciante Felix Ducotel. Felix é gerente da loja de seu primo, o autoritário e arrogante André. Para os Ducotels, será um Natal inesquecível – compartilhado com um trio de anjos – ou seriam lobos em pele de cordeiro?

O que mais surpreende no engenhoso roteiro de Ranald MacDougall (baseado na peça de Albert Husson, estreada em Paris no mesmo ano do filme, 1955), é a riqueza com que os personagens, e a relação entre eles, se desenvolvem.
Esse filme nos lembra que a arte do cinema se faz de esforços coletivos e necessita de um bom maestro, esta é mais uma prova do talento de Michael Curtiz. Some-se a isso a qualidade dos atores, em especial Peter Ustinov e Humphrey Bogart (este num dos raros papéis cômicos de sua carreira).

Foi refilmado em 1989, com Robert De Niro e Sean Penn, mas numa versão totalmente modificada.

Inicialmente lançado no Brasil como “Veneno de cobra”.

Elenco:
Peter Ustinov (Jules)
Humphrey Bogart (Joseph)
Aldo Ray (Albert)
Joan Bennett (Amelie Ducotel)
Leo G. Carroll (Felix Ducotel)
Gloria Talbott (Isabelle Ducotel)
Basil Rathbone (Andre Trochard)
John Baer (Paul Trochard)
Lea Penman (Madame Parole)
Louis Mercier (Celeste)
Jack del Rio (Policial)
John Smith (Oficial médico Arnaud)
Joe Ploski (Agente da Alfândega)
Victor Romito (Policial)

Ficha Técnica:
Ano de Lançamento (EUA): 1955
Direção: Michael Curtiz
Produção: Pat Duggan
Roteiro: Ranald MacDougall (baseado em peça de Albert Husson)
Fotografia: Loyal Griggs
Música: Frederick Hollander
Fotografia: Loyal Griggs
Desenho de Produção: Sam Comer e Grace Gregory
Direção de Arte: Roland Anderson e Hal Pereira
Figurino: Mary Grant
Edição: Arthur Schmidt
Efeitos Especiais: John P. Fulton


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: