Publicado por: blogdamariazinha | 27/01/2012

DNOCS: Departamento Nacional de Operações de Corrupção e Suborno

O que está jorrando no DNOCS não é água, infelizmente.

Esse é realmente um governo “democrático”. “Democrático” com a corrupção, que – já instalada nos principais gabinetes ministeriais, conforme vimos em inúmeros escândalos no ano de 2011 e nesse início de 2012 – agora se propaga de forma célere para os departamentos e órgãos do governo. Agora é o DNOCS, Departamento Nacional de Obras Contra a Seca, por mim renomeado de Departamento Nacional de Operações de Corrupção e Suborno.

É realmente vergonhoso.

O pior de tudo, penso eu, é a senhora Dilma Rousseff quer posar de combatente da corrupção quando demite alguém, como agora o fez com o diretor-geral do DNOCS, senhor Elias Fernandes.

Na verdade, na verdade, só demitiu esse senhor depois que foi desafiada pelo padrinho do indigitado, o deputado federal, e líder do PMDB na Câmara, Henrique Eduardo Alves.

No entanto, para mostrar a seriedade com que trata a administração pública, ela que – insisto – gosta de mostrar sua “face” técnica, vai nomear um indicado por … Henrique Eduardo Alves.

Depois, quando novo escândalo surgir, seja no DNOCS, seja em qualquer outro canto desse governo, que produz malfeitos em cativeiro, o roteiro se repetirá.

Vergonhoso que a senhora Dilma Rousseff permita e faça esse tipo de coisa, mas enquanto a sua popularidade estiver alta não parecemos ter a menor chance de vê-la tratar desses assuntos com a seriedade que o tema merece.


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: