Publicado por: blogdamariazinha | 25/10/2011

Democracia e respeito à vida: o caso de Muamar Kadafi

O assassinato de Kadafi não é justificável pelos padrões humanistas de convivência que criamos ao longo do tempo. Até mesmo os desprezíveis nazistas tiveram tribunais para serem julgados.

Gostei muito da coluna de Clóvis Rossi de hoje publicada no jornal A Tribuna. Tenho pensado justamente como por ele colocado, nesses dias após a morte de Muamar Kadafi.

Se Kadafi, como parece, foi realmente morto após estar fora de condições de combate isso é um ato indigno e cruel. Desumano. Nunca custa lembrar que até mesmo os nazistas – um dos piores grupos de criminosos que esse mundo já teve, não podemos nos esquecer de Stalin e seu bando, de Mao e sua curiola, de Pol Pot e sua gangue, de Mussolini e seus camisas pretas, de Idi Amin Dada e seu grupelho, de Pinochet e seus asseclas, e tantos mais que infelicitaram a humanidade no século XX – tiveram direito a um julgamento, no famoso Tribunal de Nuremberg.

Assim foi, e assim deve ser. Essa é a forma que escolhemos para nossa convivência. Respeito mesmo àqueles que não merecem. O assassinato à sangue frio, mesmo dos piores ditadores e criminosos, não é algo aceitável. Não podemos, de modo algum nos rebaixar a mesma condições dos tiranos e bandidos.

Por mais que seja explicável o ódio que muitos – muitos mesmo – líbios sentem por Kadafi, afinal as monstruosidades do tirano são parcialmente conhecidas e já suficientes para embrulhar estômagos e causar revolta mesmo a nós que só conhecemos os fatos pela imprensa – insisto na ideia de que não devemos aceitar nos transformarmos na outra face da moeda de canalhas dessa espécie.

Muito bem lembrado também, por Rossi, que apesar dessa situação, isso não impede, a priori, que a Líbia caminhe para a democracia e o respeito aos direitos humanos. Como ele bem lembra, também na Itália, Mussolini foi linchado e morto pelos partigiani, mas, apesar disso, logo caminhou para se tornar uma democracia estabelecida. Agora devemos ver os resultados da investigação pela morte e apoiar a Líbia para que caminhe rumo à democracia e ao desenvolvimento com justiça, bem-estar social e liberdades públicas.


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: