Publicado por: blogdamariazinha | 16/09/2011

PMDB desperta inveja, diz o seu líder na Câmara dos Deputados, a pergunta que me veio a cabeça foi: de quem?

O PMDB acha que pode fazer o que quiser com a política e o Congresso Nacional. Seus líderes deitam e rolam nesse governo Dilma, agora tiraram o tal Pedro Novais e emplacaram um Gastão.

Em evento realizado ontem pelo Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB) em Brasília o senhor Henrique Alves (PMDB-RN), líder do partido na Câmara dos Deputados, afirmou que o partido “não tem medo de cara feia”, continuando disse ainda que “o partido que viveu a ditadura, dissabores que enfrentou e obstáculos está preparado para todo tipo de constrangimentos e dificuldades”, não satisfeito e chegando ao ápice da egolatria partidária por fim o senhor Alves concluiu que o PMDB desperta “sentimento de inveja”.

Fico aqui com meus botões imaginando quem poderia ter inveja de um partido que já teve dois de seus ministros afastados do governo por sérias acusações de corrupção, quem poderia ter inveja de um partido que é dominada por figuras como o senhor José Sarney, Renan Calheiros, Romero Jucá, Michel Temer e o próprio senhor Henrique Alves, além de outros menos cotados como os senhores Geddel Lima, Moreira Franco e tantos outros, digamos, líderes regionais.

Fico pensando em como um partido, que foi outrora o símbolo de luta contra a ditadura, pode aceitar em seus quadros o senhor Pedro Novais, ex-ministro do Turismo, claramente pego com “a mão na massa”. Mas quem é liderado por pessoas do naipe de Sarney, Calheiros e Jucá, tantas vezes pegos com “a mão na massa”, não deve mesmo se constranger com mais nada.

Com toda certeza o senhor Henrique Alves tem razão, muitos pessoas que foram pegas, e presas, por muito menos devem ter inveja de poderem esses senhores fazerem o que fazem e não só ficarem livres, mas ainda terem tanto poder.

Com toda certeza o senhor Henrique Alves tem razão, muitas pessoas de grupos políticos que só pensam em usar o poder para benefícios próprios ficam pensando em como fazer para se manter no poder desde sempre (1985) se aliando a quem quer lá esteja, seja qual projeto defendam, desde que se abram espaços para o PMDB – lamentavelmente – fazer aquilo que mais sabe, usar o poder para seus próprios interesses, sem dar a mínima para o que quer ou precisa a sociedade. O último caso, do Ministério do Turismo, e a soberba do senhor Henrique Alves apenas comprovam isso mais uma vez.

Greta Garbo, quem diria, acabou no Irajá. Os líderes do PMDB tentam de tudo para acabar em lugar mais aprazível, podem, quem sabe, acabar em Bangu, lá existem boas instalações para eles.


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: