Publicado por: blogdamariazinha | 06/09/2011

Jogo é jogado, lambari é pescado: algumas reflexões sobre a situação política atual

Tem gente que confunde política com pesca. Lambari, para aqueles que não conhecem, é esse tipo de peixinho aqui. Na política, como no futebol, para fazer uma metáfora tão ao gosto do ex-presidente que é tão amigo do ex-governador, o jogo não acaba enquanto não termina, e os cidadãos são bem diferentes em suas ações e atitudes que os dóceis e inofensivos lambaris.

Marca desses tempos de autoritarismo imperial no Espírito Santo, a tal “geopolítica palaciana”, expressão que não explicava muita coisa a não ser o interesse do Palácio Anchieta em manter o poder a ferro e a fogo nas eleições em que tinha interesse, está vivendo uma crise que poderá, se Deus quiser, ser sua derradeira. A filiação de Max Filho no PSB desestabiliza mortalmente o condomínio de poder, o tal Jambalaya como o chamo, montado para as eleições de 2010. Daí a violenta reação dos deputados que vêm nessa filiação o rompimento de Casagrande com a lógica política do nosso “augusto ex-imperador”, que apesar de “ex”, assim não se pretende. Eles tem toda razão!

Se Casagrande ficar assustado com a ameaça de rompimento com o ex-governador e de crise na Assembleia ele pode recuar. Se houver recuo na filiação de Max filho, quer dizer que o síndico de fato ainda é o mesmo. Aceito e reconhecido por todos os condôminos. Alguns de bom grado, outros torcendo o nariz e reclamando, mas se submetendo. Depois não venham ficar resmungando publicamente.

Na eleição em Vitória uma encrenca maior ainda para o Senhor Hartung Gomes, que não aguenta ficar longe do poder e trabalha 24 horas (em off por supuesto) para ser prefeito de Vitória em 2012. Por unanimidade é claro, como sempre gosta de “disputar”. Contrariando esses planos, o PT quer a Ministra Iriny Lopes candidata e o PSDB tem Luiz Paulo e Cesar Colnago que, como Max Filho, não são moradores do condomínio.

As eleições chegam e bagunçam as combinações dos poderosos. As “filas”, os acertos cruzados que copiam o método das licitações fraudadas – “Você me cobre nessa pra eu ganhar que eu te cubro naquela outra pra você sair vencedor”. Eles são experientes e criativos. Muitas vezes truculentos. Dizem sem pudor: “Em eleição feio é perder”. “Vamos jogar pesado” que significa dizer que o jogo sujo será ainda mais sujo. Por essas e outras as pessoa de bem se afastam da política, ou nem entram.

É inegável que o ex-governador tem muito prestígio eleitoral e se for candidato a prefeito de Vitória será um nome fortíssimo. Ele tem todo direito de faze-lo e seus colegas de PMDB já lançaram seu nome. Nada o impede de disputar. Se é imbatível ou não as eleições vão dizer. Que entre e dispute, ganhar no “tapetão” não vai conseguir.

Da mesma maneira que Max Filho em Vila Velha resolve, ir para o PSB, isso não deveria assustar ninguém. A não ser quem não acredita em disputa eleitoral. Aliás, Neucimar só virou prefeito porque contrariou a tal da “geopolítica” da época, se aliou ao PSDB e foi para a disputa. É bem verdade que ainda com os votos quentes na urna ele mudou-se para o condomínio governista onde ficou tão confortável que, por suas declarações, parece até ter nascido lá.

Nossa democracia ainda é incipiente. Mas eu sempre fico feliz sempre quando em algum momento se descobre que não está tudo combinado, que o jogo vai ser jogado sem que se saiba o resultado de véspera. Que venha a disputa, o eleitor, a democracia, a boa política e a qualidade de gestão em nossas cidades agradecem.


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: