Publicado por: blogdamariazinha | 16/08/2011

OBA!!! O PAC está chegando ao ES!!! Buemba, buemba!! Inaugurado o puxadinho de desembarque no Aeroporto de Vitória

O puxadinho pode ser novo no Aeroporto de Vitória, o resto todo, inclusive as pistas, continuam do mesmo tamanho medíocre de sempre. Um puxadinho, por sinal, que não atende nem a demanda atual.

Nossa mãe, o ativismo governamental do PAC parece que chegou de vez ao Espírito Santo. Só mesmo me inspirando em José Simão, colunista da Folha de S. Paulo, para poder “comemorar” e “acreditar” nesse tal Plano.

Como diria o insigne colunista “Nóis sofre, mas nóis goza. Hoje só amanhã. Que eu vou pingar o meu colírio alucinógeno!”.

O ativismo governamental paquiano começou no dia de ontem com o anúncio pelo DNIT (ele mesmo) de que a Segunda Ponte vai ganhar mais uma ou duas pistas (dúvida: o valor anunciado para a obra de R$ 40 milhões é para uma pista ou caso sejam feitas as duas?) – só a ponte, não os acessos que não são de responsabilidade do DNIT, já começou a piada, ampliada a ponte, mas não o acesso. Mas para não perder tempo apenas com promessas vagas e uma piadinha o DNIT faz uma maior e nos informa que isso estará pronto em 2014. Deve ser a tempo do pessoal chegar para a Copa do Mundo, afinal a Segunda Ponte terá tráfego intenso por causa do evento.

Essa ampliação, e restauração e recuperação das estruturas, esqueci de falar acima de tão emocionada, ganha essa velocidade surpreendente por que a obra foi inserida no PAC 2. Que glória.

Mas nem só de promessas vivem os PACs 1 e 2 em terras capixabas. No dia hoje (ia ser ontem, mas teve mais um pequeno adiamento de 24 horas) o novo puxadinho (saguão?) de desembarque dos passageiros no Aeroporto Eurico Salles será inaugurado (a essa hora os primeiros passageiros que chegaram no local já devem ter sentido a maravilhosa mudança).

O puxadinho conta com 2 esteiras rolantes de 44 metros cada uma (que glória, dá para dar uma voltinha até), telas informativas avisando em qual esteira está saindo a sua bagagem (que modernidade, deveriam indicar isso a todos os aeroportos do mundo) e, suprema glória, um salão de 1700 metros quadrados (o quadruplo da metragem atual). Que conquistas. Assim, o governo federal muda a vida dos capixabas, depois de mais de nem sei mais quantos anos de atraso ao invés de nos entregar a obra pronta nos entrega um puxadinho, que não dá conta da demanda atual, e parece que está fazendo um grande negócio.

Animados pelos puxadinhos talvez os vários órgãos do governo federal resolvam também fazer puxadinhos. Os portos capixabas precisam de puxadinhos, as rodovias federais precisam de puxadinhos, as sedes das instituições precisam de puxadinhos e por ai vai, e puxadinho pra fazer por muitos e muitos anos.

Esse é mesmo um governo de puxadinhos.


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: