Publicado por: blogdamariazinha | 12/07/2011

Trem-bala perdida

Com a companheirada cuidando desse projeto ele não tem a menor chance de dar certo, ainda bem digo eu.

Esse trem-bala perdida que a presidente Dilma insiste em querer construir, ao absurdo custo de vários bilhões de reais, começou em vinte bilhões, hoje está em mais de trinta e, com certeza, se chegar a se realizar (o que muito duvido) será ao custo de mais de cinquenta, fora a inflação do período, o que pode fazer ele chegar a uns setenta ou oitenta bilhões de reais.

A presidente Dilma sofre de um problema de dissonância entre meios e fins. Ela tem fins muito grandiosos, o que não significa que sejam necessariamente positivos, para seu governo, como esse de construir um trem-bala perdida, mas a equipe para realizar esses mesmos fins, os tais meios, são inadequados.

Traduzindo para uma linguagem esportiva poderíamos dizer que ela sonha que é Vettel, da RBR, mas na verdade é apenas Rubinho Barrichelo, da Willians. Ou que ela deseja ganhar a Copa América, como se fosse a Argentina, mas o seu time, na verdade é a Costa Rica.

Eu já me posicionei aqui no Blog contra esse projeto. Para mim, como para muitos especialistas que já ouvi falar sobre o tema, existem inúmeras outras prioridades para o transporte de massas no Brasil, seja com trens dentro das várias metrópoles brasileiras, sejam trens de ligação entre as principais metrópoles que poderiam ser muito bons, sem ser “balas perdidas”.

O argumento que apresento hoje, no entanto, é outro.

Não corrermos o menor risco de ver esse trem-bala perdida dar certo enquanto a senhora Dilma Rousseff insistir na companheirada e na sua aliançada para governar o país. Falta competência, falta capacidade, falta interesse público.

Assim, para minha felicidade, que vejo motivos mais que óbvios para outras prioridades com tão vultosa soma de dinheiro, esse projeto será mesmo um trem-bala perdida. Por sorte, com esse, ninguém pode ser atingido e, até mesmo, morrer. Esse risco correríamos se o projeto fosse levado adiante, bilhões de reais do erário que se perderiam sem beneficiar os cidadãos desse país, aí sim o trem-bala perdida deixaria de ser uma metáfora para se tornar literal a perda.


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: