Publicado por: blogdamariazinha | 13/04/2010

Fazendo água


O barco do governismo começa a “fazer água” em todo o país.Mera coincidência? Não acredito. O problema é estrutural da forma em que montaram seus “esquemas” de poder.

A barca dos interesses governistas começa a “fazer água” em vários pontos do país, não só aqui no Espírito Santo.

Natural que isso ocorra pois esses condomínios são formados no mero interesse por cargos, poder e dinheiro. Quando alguma parte do butim fica “descoberta” ou “desocupada” logo começa o desentendimento.

As evidências de que os desentendimentos estão se avolumando estão, por exemplo, na Coluna Painel, da Folha de S.Paulo, reproduzida aqui no estado pelo jornal A Tribuna, de hoje.

Temos, por exemplo, o caso do Paraná onde a aliança entre o Partido dos Trabalhadores (PT) e o Partido Democrático Trabalhista (PDT) em torno da candidatura do Senador Osmar Dias (PDT) ao governo do estado. Afirmação de Osmar Dias: “eles só tem um projeto: eleger a senadora.O meu é maior”. Exclusivismo e falta de projetos é disso que fala o senador. Precisa ser mais claro?

Temos ainda o caso da Baha onde o Partido da República (PR) tem candidato a senador, César Borges, e foi anunciado pelo governador Jacques Wagner (PT) como parte da coligação. No mesmo dia o PR anunciou apoio ao candidato do PMDB ao governo da Bahia, Geddel Vieira Lima. César Borges, segundo a Coluna Painel, acha que o PT não queria coligação na chapa proporcional e também que queriam,os petistas, atrapalhar a sua reeleição. Mais exclusivismo e falta de companheirismo.

Aqui no Espírito Santo nem é preciso comentar. Dia após dia surgem informações desencontradas sobre a situação. Hora é um, hora é outro que reclama da “parte que lhe cabe desse latifúndio” que eles acham que é o governo do Espírito Santo e que lhes pertence como se fossem donatários de uma capitania.

Insisto na ideia de que isso acontece pois lhes faltam propostas, lhes falta uma visão sobre o Espírito Santo do futuro, lhes faltam ideias de como começar esse processo de construção. O que lhes sobra, portanto, é um enorme interesse por sinecuras e vantagens e isso não dá “liga” suficiente para estabelecer uma composição política vável.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: